domingo, 11 de abril de 2010

Chris Sharma contra o seu ego.


Chris Sharma em mais uma tentativa da "First Round, First Minute". Foto: Brett Lowell/Big Up.

Nas últimas semana uma discussão tem tomado conta do universo da escalada esportiva. O motivo: um desentendimento entre os escaladores Chris Sharma (EUA) e Nalle Hukkataival (Finlândia). Tudo começou quando o finlandês decidiu viajar para a Espanha para trabalhar um projeto equipado por Sharma, conhecido como "First Round, First Minute". Dizem que a via, situada no setor Laboratori de Margalef, será graduada em 12b (9b) pelo menos. Segundo Nalle, a vontade de trabalhar essa via surgiu depois do escalador ter visto algumas tentativas do próprio Sharma no filme da Big Up Productions, o Dosage V. O estilo boulderístico da via foi o outro motivo que dispertou o interesse do finlandês, que é 3º colocado no ranking mundial de boulder do 8a.

De acordo com notícia veiculada no site da Desnivel, Sharma teria pedido para Nalle esperar antes de entrar na "FR, FM" pois ele queria mais tempo para trabalhar a via e tentar a primeira ascensão (F.A.). Pelo visto, a via está "fechada" somente para o finlandês, já que alguns amigos do norte-americano tiveram o prazer de testar a via, como o seu compatriota Dave Graham e o espanhol Dani Andrada. Nalle evitou problemas e tentou umas outras vias na mesma falésia e depois decidiu escalar algumas mais longas para melhorar sua resistência. Porém o finlandês fez uma declaração bem direta para Sharma. Nalle disse que "se você quiser reservar seu projeto, não o coloque no próximo filme da Big Up, e se colocar, não deixe as pessoas pensarem que ele está aberto para as tentar para elas não terem que percorrer um longo caminho para depois fechar de repente".

O finlandês Nalle Hukkataival é hoje um dos melhores escaladores de boulder do mundo. Foto: Divulgação.

Essa discussão levantou uma polêmica antiga: "quem equipa/conquista uma via, tem o direito de fazer o F.A?". Sou um grande fã do Sharma por todas as quebras de barreiras dentro da escalada que ele realizou, mas acho que o ego dele está na estratosfera. A real é que de acordo com várias declarações, ele nunca se mostrou também ser o mais humilde dos escaladores. Mas fechar uma via e embarrerar um escalador de tentar um projeto em função do ego? Isso tudo por um F.A? - Feijão com Arroz (como diz a galera de Cocal). É Sharma, acho que você - que se julga um budista - deveria aprender e refletir mais sobre as palavras da Sua Santidade:
"O orgulho é destrutivo. A humildade, ao contrário, é construtiva e nos torna felizes por contarmos com a ajuda dos outros" (Sua Santindade, O Dalai Lama)

6 comentários:

Pedro Hauck disse...

Legal a matéria Caio!

Esdras Daniel disse...

Grande Caio fizemos esse debate numa lista de emails e faltou sair fogo. Acima de tomar partido admirei o debate travado por Nalle e Sharma. Agora acho que Sharma até tinha razão de pedir um tempo para o FA (já que segundo está caindo no último movimento da via e existem inúmeras razões mercadológicas para valorizar o FA , a Big Up que o diga) agora deixar somente a panelinha experimentar foi podre e o fez perder a razão.

Patrícia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Patrícia disse...

Tadinho do Sharma e CIA LTDA!!
Só os fazem perder pontos entre os seus fãs :-(
É uma pena quando a arrogância supera a inteligência, a humildade e a perspectiva de uma convivência em uma sociedade de democrática!
O que a panelinha deles está fazendo se chama CENSURA, muita conhecida em uma DITADURA, coisa pela qual nós brasileiros já passamos e conhecemos muito bem.
Esse tipo de atitude só leva as pessoas ao atraso no processo evolutivo.

Alvaro Alvares disse...

O Nalle devia ter passado por cima das fitinhas vermelhas do Sharma.

Thiago disse...

ola, Caio muito legal a matéria gostaria de saber se quem faz a F.A é o conquistador ou quem realmente equipa a via (pate os grampos)é que é o conquistador ou se ñ tem nada a ver uma coisa com a outra.