quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Retrospectiva 2011: Caio Gomes.


Bernardo Collares, o "Berna": Um amigo que vai ficar para sempre no coração de todos nós.

2011 tinha tudo para ser um péssimo ano. Logo no primeiro mês, a escalada nacional sofre um baque ao perder o nosso querido e eterno presidente, Bernardo Collares, em um acidente na Patagônia. O ano não poderia ter começado pior. Mas com o passar do tempo, coisas boas foram aparecendo. No segundo mês de 2011 recebi uma proposta de patrocínio da F21 Assessoria Esportiva muito boa. Com o intuito de me oferecer um acompanhamento especializado durante circuitos de corrida realizados nas areias da Praia de Icaraí (Niterói, RJ), a parceria foi firmada rapidamente. Em abril foi a vez de mais um presente na minha vida. Durante uma viagem para Belo Horizonte (MG), foi fechada uma parceria com a 4Climb, uma empresa que em pouco tempo se tornou referência no esporte nacional. Mais que produtos, com a 4Climb eu ganhei amigos como o Daniel Mendes "Tio Dan" e o Felipe "Malucão, já que o Felipe "Kbeça" eu conheço de outros carnavais. E com essa parceria pude ficar mais próximo do estado mineiro, que na minha opinião, é o melhor do Brasil.

O tão famoso Jorge. Saudades, amigão. Foto: Pedro Gomes.

Já no mês seguinte, foi a vez da famosa Abertura de Temporada de Montanhismo na Urca (RJ). Durante a ATM2011 foi realizado um festival para apresentar a comunidade escaladora a mais nova empresa brasileira, a Verticale. Formada pelos também escaladores, o carioca, Silvio Neto e o, suíço, Martino Singenberger, a Verticale ficou famosa rapidamente por ser a primeira empresa do segmento a trazer as melhores marcas do esporte para o Brasil, como a La Sportiva, Camp/Cassin e Edelweiss. Para a minha felicidade, me consagrei campeão do I Festival de Boulder da ATM 2011. Porém mais do que uma premiação, dias depois, me tornei o mais novo atleta Verticale. Com a chegada do inverno, era hora de colocar o pé na estrada para se divertir nos festivais de escalada pelo Brasil.

Vídeo da ATM2011. Filmado e editado pela Granito Filmes de Montanha.

O mais marcante para mim, sem dúvidas, foi o Ubatuboulder 2011. Durante o festival realizei um sonho de encadenar meu segundo v12, o "Cracolândia" e caminhar para consolidação do grau - já que no ano passado, encadenei o La Ola, o primeiro v12 de Niterói. Mas não só de cadenas valeu o UBT2011. Pude conhecer e me aproximar de pessoas maravilhosas como o Beto Ferragut (um dos escaladores mais fortes que eu já tive o prazer de ver), a Duda, a grande Carol Botto, o Neto e o Rich. Um em especial marcou bastante: o "Jorge". Conheci o amigão durante uma ida à Ubatuba - se alguém tiver notícias dele, me avisem. E foi no mesmo festival que tive a honra e o prazer de finalmente conhecer pessoalmente meu grande amigo Neudson Aquino, dono do melhor blog de escalada do Brasil: o "Desce Daí Doido!". Ainda na pegada dos festivais, pude conhecer lugares incríveis como Salinas(RJ), Serra da Piedade(MG), Sabará(MG) e Igarapé(MG). Mas 2011 marcou também pelas inúmeras lesões que tive em função de treinos e projetos. Mas graças a Deus, há 7 anos, tenho uma parceria com meu amigo Kioshi Kikuti, do Instituto Kioshi & Makoto Terapias Orientais, que me dá todo o suporte necessário para me livrar dessas incômodas dores. 

Um sonho realizado. Cadena do Cracolândia, v12. Pontão da Praia da Fortaleza, Ubatuba (SP).

Termino esse ano feliz e realizado, pois vivi muito intensamente cada minuto desse ano, e o mais importante, sem sérias lesões. Na verdade esse post está sendo feito com uma certa antecedência em função da minha falta de tempo. Ainda tem muita coisas para acontecer. Me doei ao máximo à escalada, abri linhas clássicas na Pracinha e sei que de alguma forma contribuí mais um ano para esse esporte que desde que nasci faz parte do meu estilo de vida. Obrigado mamãe, papai e Pedrinho. Família Buscapedra vocês são tudo o que tenho. Amo vocês. Feliz natal e que 2012 seja repleto de saúde e sucesso para todos nós. Obrigado pelo carinho, pessoal.

Post ao som de Oriente - Eu sou de Niterói.

UPDATE1 22h12:

Mais um fato não poderia ser esquecido. Durante uma festa de publicidade realizada na zona sul do Rio de Janeiro, tive o prazer de poder bater um papo com o mestre Rorion Gracie. Para quem não conhece, Rorion foi o criado do famoso UFC, além de ser o sucessor de seu pai, o já falecido, mestre Hélio Gracie. As palavras do mestre me incentivaram à conhecer a o Jiu-Jitsu. Graças à indicação do amigo Pablo Castellani, ingressei na Gracie Niterói. Lá estou há três meses aprendendo mais a cada dia com o mestre Felipinho Salles. Cabe ainda um agradecimento ao mestre Guto Vicente. Obrigado à todos vocês e saibam que é uma honra poder aprender um pouco da "arte suave". Oss!

Nas extremidades, os mestres Guto Vicente e Felipinho Salles. Ao meu lado esquerdo, o amigo Pedro Rozina. Foto: Gracie Niterói.

1 comentário:

Neudson Aquino disse...

O Ubatuboulder também foi um ponto marcante desse ano! Conheci muita gente maneira ali, mas com certeza conhecer você foi o que mais me deixou feliz, e foi igualmente um prazer e uma honra conhecer o grande Caio Gomes! Mas melhor ainda foi ser recepcionado na casa dos Gomes em Niterói, e me sentir parte da Família Buscapedra!

Que 2012 a gente possa se ver de novo meu amigo, e que ele traga muitas coisas pra todos nós!

Abração!